Whatsapp

Matrícula via WhatsApp

Notícias

Semana do Meio Ambiente: pequenas atitudes fazem grande diferença

Professora de Engenharia Ambiental e Sanitária dá dicas de reciclagem para os resíduos domésticos

O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado anualmente em 5 de Junho e tem como objetivo promover atividades de proteção e preservação do meio ambiente. A data serve como alerta à sociedade sobre os perigos de negligenciarmos a tarefa de cuidar do mundo em que vivemos.

Neste ano, o tema central da Semana do Meio Ambiente, que acontece de 05 a 09 de junho, é a restauração dos ecossistemas. No último sábado (05), o Paquistão sediou o Dia Mundial do Meio Ambiente de 2021, lançando oficialmente a Década das Nações Unidas para a restauração dos ecossistemas. A Década da ONU vai de 2021 a 2030 e é um grande apelo de mobilização global pela recuperação do meio ambiente, para que a população mundial tenha um clima seguro para viver no futuro. O ano de 2030 também é o prazo final que os cientistas identificaram como sendo a última chance de evitar mudanças climáticas catastróficas.

Pequenas atitudes realizadas diariamente fazem toda diferença quando o assunto é a preservação do meio ambiente. Pensando nisso, a Professora Anelise Nardi Huffner, do Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária da UniRitter, aponta o que fazer com o lixo doméstico. As vantagens da separação do lixo ficam cada vez mais evidentes, pois entre outras coisas, aliviam os aterros sanitários e lixões, já que grande parte dos resíduos sólidos gerados podem ser reaproveitados. Confira:

Como fazer a separação do lixo? Os resíduos são separados em: resíduo seco (reciclável - papel, papelão, vidro, garrafa plástica) e resíduo molhado (orgânico: restos de frutas, pó de café, restos de comida, vegetais).

Como reduzir a quantidade de lixo que produzimos? Evitar comprar alimentos embalados, levar a própria sacola ao fazer compras, comprar em feiras, e não comprar além do necessário.

Como podemos reaproveitar o lixo? Com o resíduo orgânico é possível fazer compostagem doméstica e depois usar o adubo nas plantas. Os resíduos recicláveis, como por exemplo os potes de vídeo, podem ser utilizados para armazenar outros alimentos ou objetos.

Quais materiais não são recicláveis? Restos de comida, sacolinhas plásticas rasgadas, Papel higiênico, embalagens danificadas e sujas.

Como fazer o descarte correto das máscaras? As máscaras devem ser descartadas juntamente com os resíduos não recicláveis, ou seja, aqueles que serão colocados nos containers (resíduo orgânico). A máscaras não devem ser recicladas.

Dicas importantes:

  1. Sempre lave o resíduo reciclável com água ao descartar. Isso facilita o trabalho das cooperativas que fazem a triagem do material a ser reciclado.
  2. Se informe se no seu município tem coleta seletiva e descarte os resíduos nos horários corretos.
  3. De preferência a sacolas de pano ou de materiais recicláveis ao fazer as compras e evite o uso de sacola plástica.

A reciclagem economiza recursos naturais e gera renda para milhares de trabalhadores que sobrevivem a partir da coleta de materiais recicláveis. Segundo pesquisa Nacional de Saneamento Básico do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são recolhidas no Brasil cerca de 180 mil toneladas diárias de resíduos sólidos.

De acordo com o Instituto, mais da metade desses resíduos são jogados em aterros ou lixões, sem qualquer tratamento. Quando o lixo é separado adequadamente, são dados os primeiros passos para sua destinação apropriada. Com a separação correta é possível: a reutilização; a reciclagem; o melhor valor agregado ao material a ser reciclado; as melhores condições de trabalho dos catadores ou classificadores dos materiais recicláveis; a compostagem; menor demanda da natureza; o aumento do tempo de vida dos aterros sanitários e menor impacto ambiental quando da disposição final dos rejeitos.

Compartilhe: